Engenharia de Computação - UEFS

Objetivo

Formar recursos humanos de alto nível na área de computação para atender às demandas da sociedade e do mercado de trabalho e para contribuir na melhoria das condições de vida e do bem-estar da população em geral.

EngenhariaDeComputação
Apresentação sobre o curso

Perfil do profissional

O Engenheiro de Computação é um profissional com formação plena em Engenharia, preparado em assuntos de Computação para especificar, conceber, desenvolver, implementar, adaptar, produzir, industrializar, instalar e manter sistemas computacionais, bem como perfazer a integração de recursos físicos e lógicos necessários para o atendimento das necessidades informacionais, computacionais e da automação de organizações em geral.

Áreas de Atuação (exemplos)

  • Diretor de área tecnológica e de tecnologia de informação

  • Gerente de tecnologia, de sistemas e de desenvolvimento

  • Coordenador de projetos de software e de hardware

  • Analista de sistemas, de banco de dados e de negócios

  • Projetista de hardware, de software e de sistemas

  • Engenheiro de computação, de hardware, de software e de sistemas

  • Desenvolvedor de sistemas e de softwares

  • Consultor de tecnologia de informação

  • Empreendedor

  • Pesquisador de Centros de Pesquisa

  • Professor Universitário

História

A aula inaugural do Curso de Engenharia de Computação foi no dia 14 de julho de 2003 (Resolução CONSU 08/2002). O curso foi reconhecido em 2010 (Decreto 12.117 de 14 de julho de 2010) e teve a renovação do reconhecimento em 2018 (Decreto 18.396 de 17 de Maio de 2018).

Inicialmente o curso tinha oferta anual, recebendo apenas 30 alunos por ano (Resolução CONSEPE 96/2002). A primeira ampliação de vagas ocorreu em (Resolução CONSEPE 119/2005), onde o curso passou a receber 40 alunos por ano. A segunda ampliação de vagas ocorreu em 2010 (Resolução CONSU 041/2010), aonde o curso passou a receber 80 alunos por ano, sendo 40 no primeiro semestre e 40 no segundo.